Ciências básicas para um desenvolvimento sustentável

N.º de horas de formação acreditadas: 25h (1 crédito)

Registo de Acreditação: CCPFC/ACC-114764/22

A Assembleia Geral das Nações Unidas declarou o ano de 2022 como sendo o Ano Internacional das Ciências Básicas para o Desenvolvimento Sustentável (AICBDS). Que desafia a Comunidade Educativa a aprofundar a complementaridade das ciências ao serviço de um desenvolvimento que satisfaça as atuais necessidades humanas sem comprometer o futuro das próximas gerações. 

 

DESTINATÁRIOS

Professores dos Grupo 510 e 520

 

FORMADORES

  • Adelino Galvão
  • Ana Charas
  • Joaquim Faria

 

OBJETIVOS

Esta Ação pretende celebrar o Ano Internacional das Ciências Básicas para o Desenvolvimento Sustentável e simultaneamente contribuir para que os professores 3º Ciclo do Ensino Básico e do Ensino Secundário aprofundem a sua capacidade de integração dos saberes das várias ciências básicas dando cumprimento às metas da AGENDA_2030, que são “…compreender o impacto no planeta do aumento de população (8 mil milhões) e quais os desafios que se colocam para de forma sustentável e universal, promover o acesso à alimentação, energia, saúde e qualidade de vida, atendendo a que, em paralelo, é necessário eliminar ou pelo menos reduzir o impacto climático e ambiental dessas necessidades”.

A complementaridade entre a Química e as outras ciências básicas (física, biologia) e a sua e transdisciplinaridade em relação às tecnologias (saúde, comunicação, deteção, etc.) fazem dela uma área em profundo desenvolvimento, o que requer do professor um constante esforço de atualização, que se pretende apoiar e desenvolver.

 

TÓPICOS PROGRAMÁTICOS

  • Apresentação da Ação e do Centro de Formação da SPQ 
  • Tópico 1 – A AGENDA_2030
  • Tópico 2 – Desafios na Saúde
  • Tópico 3 – Desafios Energéticos
  • Tópico 4 – Desafios na Agricultura
  • Tópico 5 – Desafios Ambientais
  • Tópico 6 – A Química Verde
  • Tópico 7 – Cidadania
  • Tópico 8 – Estudo de casos
  • Tópico 9 – Aula invertida: apresentação de trabalhos integradores de conhecimentos sobre a forma de vídeo.

METOLOGOGIA DA AÇÃO

A Ação está organizada temporalmente em 22 horas síncronas e 3h assíncronas. As aulas estão organizadas segundo 9 tópicos programáticos.

As aulas decorrerão em regime à distância (online), apoiadas por documentação disponibilizada através dos recursos digitais da SPQ e ainda pelos serviços de assessoria do Centro de Formação e do secretariado da SPQ.

REGIME DE AVALIAÇÃO

A avaliação terá duas componentes:
  • um vídeo produzido pelo formando;
  • uma reflexão crítica sobre a ação com base no formulário fornecido.

O vídeo será avaliado usando uma grelha de 5 critérios:

  1. Rigor científico da linguagem utilizada;
  2. Qualidade do vídeo;
  3. Clareza do discurso;
  4. Originalidade;
  5. Cumprimento do tempo estipulado.

(A classificação atribuída será baseada na discricionariedade técnica dos formadores).
A classificação final será atribuída numa escala de 0 a 10 usando igual ponderação para as duas componentes.

Será passado um certificado, a quem tenha frequentado no mínimo 2/3 do tempo total de formação (25h) e tenha obtido aproveitamento (>5 em 10) na avaliação.

 


Publicado/editado: 19/04/2022